quarta-feira, 1 de março de 2017

Mais Uns "Chorrilhos" Sobre o Luís Miguel Fernandes Crespo a.k.a. "Leocardo" e "Lá Lá Cardo"

«Lá Lá Cardina, a bichona taradona que queria ser brutalmente violada pelo Milo Yiannopoulos!»


Já apresentei anteriormente aos leitores do História Maximus, a triste criatura que podem ver na fotomontagem acima aqui e aqui. No entanto, decidi teclar mais uns quantos "chorrilhos" sobre a delirante personagem em questão, principalmente porque o mesmo continua a difamar um número incontável de pessoas, entre as quais se conta a própria actriz Maria Vieira, que tem sido alvo de vários e repetidos ataques da parte deste demente, apenas porque a senhora em questão teve a "ousadia" (vejam bem o "despautério"!...) de expressar os seus pontos de vista, dos quais o Lá Lá Cardo desaprova. 

Ora bem, se alguém quiser ter uma mínima noção do que é que este tipo rasca é capaz, basta lerem este texto escrito pelo próprio, onde são feitas várias ameaças em linguagem indescritível contra menores de idade.[1] Isto é crime e é um crime muito grave, mesmo em Macau onde o Luís Miguel Fernandes Crespo vive radicado desde a década de 1990. Aliás, tanto quanto me é dado a saber, esta personagem já tem dois processos em cima nos tribunais de Macau, devido precisamente ao seu comportamento aberrante e a coisa não me parece que vá ficar por aqui...

Eu pessoalmente não gosto de perder tempo com isto e só o faço porque eu próprio, em conjunto com alguns camaradas meus, já fomos atacados várias vezes pela besta em questão e por isso estamos apenas a exercer o nosso legítimo direito de resposta. Ora, isto traz-me a outra questão, que é a de ter de perguntar se esta demente personagem não será um troll profissional pago por alguma entidade, só para andar na internet todos os dias a provocar conflitos com pessoas que ele não conhece de lado nenhum e a difamar um número enorme de cidadãos, que têm sido suas vítimas ao longo de anos e anos?

É que se há coisa que eu não sou, nem nunca fui, é parvo e podendo eu ocasionalmente fazer-me de parvo, quem me conhece sabe que eu de "parvo" não tenho mesmo nada... Discretamente, tenho acompanhado ao longo de vários meses a actividade do Luís Miguel Fernandes Crespo na internet, através de diversos meios e por diversas formas e por isso mesmo é que cheguei à conclusão de que este tipo quase de certeza que é um troll profissional. A primeira pessoa a sugerir-me esta hipótese há alguns meses atrás, foi o blogger Afonso de Portugal e eu na altura não quis acreditar, mas depois de tudo o que tenho vindo a ver e a ler, começo seriamente a pensar que este Luís Miguel Fernandes Crespo é mesmo alguém pago para andar a fazer o que faz. Digo isto, porque a quantidade de horas e horas que ele passa nas redes sociais, simplesmente é incompatível com uma vida normal. É impossível uma pessoa ter um emprego normal e uma família normal e ainda lhe sobrarem não sei quantas horas por dia, para andar nas redes sociais a escrever textos enormes sobre toda a espécie de mexeriquices. Algo obviamente não bate certo aqui e é por isso que só me resta concluir que estamos perante um troll profissional, ou seja, um difamador pago para difamar e lançar confusão nas redes sociais e nas caixas de comentários dos jornais. 

Resta agora descobrir é quem é que paga a este idiota para fazer o que faz, no entanto, eu já tenho as minhas suspeitas. A sua linguagem e estilo de ataque é típica dos antifa e da extrema-esquerda. Para disfarçar e lançar ainda mais confusão, o Lá Lá Cardo, tem insinuado diversas vezes que é politicamente simpatizante da "direita moderada" e é exactamente isto que me faz suspeitar do tipo ainda mais, pois as pessoas da "direita moderada" não se comportam, nem escrevem, da forma que ele se comporta e escreve. Portanto, só me resta concluir que a alegação do próprio Luís Miguel Fernandes Crespo, de que ele pertence à tal "direita moderada", não passa de uma manobra de diversão, para desviar as atenções. Como eu disse anteriormente: eu não sou nenhum parvo e sei muito bem "o que a casa gasta" no que diz respeito aos antifa e aos métodos subversivos usados pela extrema-esquerda.

Os comentadores pagos são hoje "o prato do dia" nas caixas de comentários dos jornais e no facebook. Sei pelo menos de duas criaturas de extrema-esquerda que o fazem regularmente no Diário de Notícias (DN). Andam pelas caixas de comentários dos artigos, sempre a lançar propaganda de esquerda e ao fim de algum tempo desaparecem. Depois, passados vários meses ou semanas, ressurgem com outro nome, mas a linguagem é a mesma e o estilo de ataque é sempre o mesmo. Recordo-me de um certo idiota que quando o "engenheiro" Sócrates esteve hospedado na prisão de Évora, comentava todas as notícias sobre o dito "engenheiro" publicadas no site do DN, sempre a defender o dito cujo com unhas e dentes da terrível "cabala" que o levou aos calabouços de Évora. Como é óbvio, tratava-se de um comentador pago por gente ligada ao PS e/ou ao "engenheiro" Sócrates. Recentemente veio-se a saber de um blogger que fazia mais ou menos o mesmo.

Assim funcionam os comentadores pagos e eles enganam muito boa gente com os seus truques sujos. O Luís Miguel Fernandes Crespo é apenas mais um, especialmente virulento e por isso mesmo, escolhido a dedo pelo "partido" por ser alguém que reside em Macau onde tem liberdade para atacar impunemente os seus compatriotas, precisamente porque sabe que lá o curto braço da justiça portuguesa não consegue chegar. O problema para ele é que talvez por se achar invencível, começou também a atacar e a difamar pessoas que vivem em Macau e em troca o que ganhou foram dois processos judiciais em cima do pêlo. Espero agora que a justiça de Macau realmente faça justiça e meta este tipo no seu devido cantinho, porque isto já foi mesmo longe demais em todos os aspectos.

_________________________________________

Notas:
[1] Entretanto, o texto em causa desapareceu "misteriosamente" do blog do Luís Miguel Fernandes Crespo. É que sabem, isto é como diz o velho ditado: "quem tem cu, tem medo"... No entanto, podem ainda ler o texto em causa no blog do jornalista Paulo Reis, que em boa hora tirou um print screen da pérola: https://oovodaserpente1.blogspot.pt/2017/02/blog-post_94.html

João José Horta Nobre
1 de Março de 2017


13 comentários:

  1. O mais triste nisto tudo é que nem o caro JJHN nem eu queríamos fazer estas postas a denunciar o Lulu-leva-no-cu. Tenho de confessar que senti nojo de mim próprio quando fiz a última posta contra ele lá no TU, por me ter deixado descer ao nível dele... mas o que é que um indivíduo há-de fazer? O cretino não nos larga, fez disto uma questão pessoal quando nunca o foi!

    Ele que fale contra os "nazis" e a "islamofobia" à vontade, não precisa é de insultar e difamar as pessoas!!! Ou talvez precise, se for de facto um agente pago... tem de justificar o salário!

    Eu também tenho muitas dificuldades em acreditar que ele é da "direita moderada". Os gajos do PSD são tipicamente hipócritas, mas este nível de intervenção de tão baixo nível costuma ser apanágio da malta do esquerdalho. Não vamos mais longe: sem sequer sair de Macau, temos outro PSD universalista, o Pedro Coimbra, que não utiliza esta linguagem degradante, nem persegue as pessoas desta forma obsessiva!

    Eu mantenho a minha teoria: ou ele é pago, ou é um completo desequilibrado mental!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. «Tenho de confessar que senti nojo de mim próprio quando fiz a última posta contra ele lá no TU, por me ter deixado descer ao nível dele... mas o que é que um indivíduo há-de fazer?»

      Caro Afonso, infelizmente, por vezes somos obrigados a combater fogo com fogo... Ele começou esta guerra armado em espertinho e fiado na crença ingénua de que nós, tal como quase todas as outras pessoas que ele tem atacado, não iríamos contra-atacar à altura da sua provocação doentia. Enganou-se redondamente...

      «Ele que fale contra os "nazis" e a "islamofobia" à vontade, não precisa é de insultar e difamar as pessoas!!!»

      Eu nunca tive, nem tenho qualquer problema com críticas. O problema é que o Lá Lá Cardo não sabe criticar, o que ele faz é partir logo para o ataque pessoal e a difamação pura e dura.

      «Eu também tenho muitas dificuldades em acreditar que ele é da "direita moderada".»

      Mas é claro que não! Nem pensar numa coisa dessas! O estilo está inteiramente em linha com os antifa ligados ao BE, PCP ou até mesmo PS. A história da "direita moderada" é apenas uma manobra de diversão para por um lado confundir e por outro, garantir que assim ninguém vai acusar a extrema-esquerda de estar ligada a este tipo de suínos virtuais.

      «Eu mantenho a minha teoria: ou ele é pago, ou é um completo desequilibrado mental!»

      Bem, pago ou não, ele é efectivamente um desequilibrado mental por inteiro. Isso é mais do que claro. Cá para mim seria interessante saber como é que ele arranjou o actual emprego que tem em Macau?... Cheira-me que foi algum tacho de um partido que lhe deram na altura em que Macau ainda fazia parte de Portugal e ele em troca retribui o favor fazendo na internet a porcaria que faz.

      O que o Lá Lá Cardo nunca esperou era de nos apanhar pela frente e aposto que ele já deve de estar bem arrependido de se ter metido connosco...

      Eliminar
    2. «A história da "direita moderada" é apenas uma manobra de diversão para por um lado confundir e por outro, garantir que assim ninguém vai acusar a extrema-esquerda de estar ligada a este tipo de suínos virtuais.»

      Eu não tinha pensado nisso e, de facto, tem toda a lógica! A táctica será algo deste género: "Vou dizer a estes tansos que sou de direita para despistar o facto de que sou de esquerda e também para os fazer acreditar que, mesmo entre eles, há uma grande divisão!"

      Aliás, desconfio que este modus operandi não é exclusivo do Lá Lá Cardo. No Observador, há dois ou três comentadores assíduos cujo discurso é uma autêntica fotocópia dos dogmas do esquerdalho, mas que depois dizem ser do PSD!

      A verdade é que há muitos "direitinhas" universalistas, porque o capital não tem pátria. Mas nunca vi um que fosse tão tóxico como este Lá Lá Cardo. Só encontrei este tipo de linguagem entre os comunas. Mesmo entre os bloquistas, é raro encontrar alguém que fale sempre assim!


      «Cá para mim seria interessante saber como é que ele arranjou o actual emprego que tem em Macau?... Cheira-me que foi algum tacho de um partido que lhe deram na altura em que Macau ainda fazia parte de Portugal e ele em troca retribui o favor fazendo na internet a porcaria que faz.»

      Sobretudo porque ele era muito novo quando começou a trabalhar lá, o que é bastante suspeito!

      Eliminar
    3. «No Observador, há dois ou três comentadores assíduos cujo discurso é uma autêntica fotocópia dos dogmas do esquerdalho, mas que depois dizem ser do PSD!»

      Ora, está a ver! Essa gente da extrema-esquerda pensa que é tudo parvo, mas comigo dão-se mal porque eu conheço bem as estratégias e métodos de operar usados pelos mesmos. E isto acontece porque eu tive larga convivência com essa gente nos meus tempos de faculdade e por isso sei perfeitamente bem "o que a casa gasta"...

      «Mas nunca vi um que fosse tão tóxico como este Lá Lá Cardo. Só encontrei este tipo de linguagem entre os comunas.»

      Caro Afonso, é exactamente por eu saber disso, que tive sempre muita dificuldade em acreditar que esse tipo fosse simpatizante da direita moderada/liberal. O nível de toxicidade dos seus ataques virtuais, a linguagem, o estilo, bate tudo certo com a extrema-esquerda. A única coisa que falta agora descobrir é se ele é um agente pago do PS, PCP ou BE? Pessoalmente, inclino-me mais para o PCP e o PS. Isto porque o tipo foi para Macau no início dos anos 1990, ainda antes de existir sequer o BE e com certeza que aquele emprego que lhe deram por lá, foi algum tacho distribuído pelo PS ou PCP, resta só descobrir é qual é o "partido", mas a pouco e pouco vamos acabar por descobrir, mais dia, menos dia.

      «Sobretudo porque ele era muito novo quando começou a trabalhar lá, o que é bastante suspeito!»

      Ora aí está! Como é que alguém arranja um emprego como o que ele arranjou na Conservatória do Registo Predial de Macau assim do nada??? Vê-se logo que foi algum tacho que lhe deram e esse tipo de empregos, ligados ao Estado e na época em que Macau anda era colónia, eram obtidos única e exclusivamente com base em favores e cunhas. Eu sou português e sei muito bem como funciona a sociedade portuguesa nestas coisas e há 25 anos atrás, altura em que ele se radicou em Macau, a situação era muito pior neste aspecto. Os empregos para o Estado em Portugal, sempre foram largamente reservados para a "clique" dos partidos e respectivos familiares da "clique".

      O tipo é natural do Montijo, deve ter-se começado a dar com gente ligada à extrema-esquerda durante a adolescência, fizeram-lhe as lavagens cerebrais do costume e às tantas o tipo acabou a militar no PS ou no PCP. Depois acabou os estudos no secundário, precisou de emprego e o "partido" lá tratou de lhe arranjar um emprego em Macau que era perfeito para ele, pois tratava-se de um jovem com vontade de conhecer o Mundo e viver aventuras lá fora. Basicamente a história de vida do Lá Lá Cardo deve ser esta, mais coisa, menos coisa.

      Eliminar
    4. «O nível de toxicidade dos seus ataques virtuais, a linguagem, o estilo, bate tudo certo com a extrema-esquerda.»

      Sim, sim! Aliás, a estratégia dele é um velho clássico do esquerdalho, o assassínio de carácter. Ou, de uma forma mais simples, atacar o mensageiro para evitar discutir a mensagem. O grande problema é que muitas vezes resulta. Há muitas pessoas neste mundo que, infelizmente, nunca procuram ouvir os dois lados da história, contentando-se apenas com a versão das fontes ou das pessoas que já conhecem. Temos um exemplo disso na forma escandalosa como os mé(r)dia têm tratado o Presidente Trump e na chocante quantidade de pessoas que acredita piamente.

      «A única coisa que falta agora descobrir é se ele é um agente pago do PS, PCP ou BE?
      Pessoalmente, inclino-me mais para o PCP e o PS. Isto porque o tipo foi para Macau no início dos anos 1990, ainda antes de existir sequer o BE
      »

      Sim, sim, PCP ou PS, sendo que a probabilidade deve ser para aí 80% PS e 20% PCP. Por acaso gostava de saber quanto ele ganha por posta. Ou será que a coisa é paga pelo número de caracteres publicados? Será que os insultos têm direito a bónus? E as fotografias? E como será que lhe pagam, em espécie ou em géneros? Este mundo dos agentes pulhíticos pagos é deveras fascinante!


      «Vê-se logo que foi algum tacho que lhe deram e esse tipo de empregos, ligados ao Estado e na época em que Macau anda era colónia, eram obtidos única e exclusivamente com base em favores e cunhas.»

      Sim, porque na altura –e de acordo com as informações que o próprio Lulu tinha na sua conta do Fuçaslivro– ele nem sequer tinha idade suficiente para ter um curso superior!


      «O tipo é natural do Montijo, deve ter-se começado a dar com gente ligada à extrema-esquerda durante a adolescência»

      Essa é uma possibilidade. A outra é ele ter tido familiares que o “encaminharam” nestes meios das jotinhas partidárias. O filho do presidente da junta nunca fica sem emprego. O filho do deputado também não…


      «tratava-se de um jovem com vontade de conhecer o Mundo e viver aventuras lá fora»

      Ahahahahah vamos dizer assim! ;)

      Eliminar
    5. «Por acaso gostava de saber quanto ele ganha por posta. Ou será que a coisa é paga pelo número de caracteres publicados? Será que os insultos têm direito a bónus? E as fotografias? E como será que lhe pagam, em espécie ou em géneros? Este mundo dos agentes pulhíticos pagos é deveras fascinante!»

      O tipo deve receber uma mesada geral e aposto que o blog nem é o principal veiculo de propaganda, mas sim, o trabalho dele no facebook e nas caixas de comentários dos jornais.

      Eliminar
  2. Ora, vejam só! O Lá Lá Cardo ainda agora saiu da cama e já se fartou de vomitar por aqui! O alcoolismo é mesmo uma grande tragédia!

    Moral da história, meninos? Se teclar, não beba! Pode vir a sofrer um acidente grave e depois ficar como o Lulu-leva-no-cu, aleijado do corpo e da alma!

    Ó Lá Lá Cardo, vai mas é trabalhar, seu malandro! Os contribuintes macaenses não te pagam para vires disparatar para o blogger, sua marilu de vassoura enfiada no cu!

    Mestre Nobre, esteja à vontade para apagar este comentário, se assim o entender. Era mesmo só para dar umas palmadas à luluzinha, que ela anda muito carente, coitadinha! ;) A melhor parte é ela ter assinado um dos comentários como "GC", como se nós não soubéssemos que são todos dela! :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AHAHAHHAHAH, o tipo não pára de meter comentários "anónimos" aqui, tal é o nervosismo com que anda...

      Isto apenas reforça a minha tese de que ele é um comentador pago, pois nas outras "postas" que fiz sobre ele, o bicho quase que nem piava. Pelo contrário, metia o rabo entre as pernas e fugia. Agora que o denunciei como comentador pago, ficou completamente louco, parece-me que isto só por si diz tudo...

      «Mestre Nobre, esteja à vontade para apagar este comentário, se assim o entender.»

      Por mim pode ficar na boa. Ele merece, ahahahahhaha.

      Eliminar
    2. Ehehehehe... concordo! Isto de ele ter deixado tantos comentários logo de manhã significa que se sentiu tocado!

      Pois ele tem bom remédio: vá pregar para outra freguesia! Eu não tenho nenhuma intenção de continuar a falar dele! Se eu o fizer, é porque ele voltou a falar de nós... portanto, ele que pare de falar de nós, que nós pararemos de falar dele.

      Eliminar
    3. A propósito, Mestre Nobre, enviei-lhe um novo email há alguns minutos atrás. É só para lhe dar conta de uma situação do seu interesse. Cumprimentos!

      Eliminar
    4. «Pois ele tem bom remédio: vá pregar para outra freguesia! Eu não tenho nenhuma intenção de continuar a falar dele! Se eu o fizer, é porque ele voltou a falar de nós... portanto, ele que pare de falar de nós, que nós pararemos de falar dele.»

      Com certeza, é exactamente isso que eu tenho dito desde o início. Ele se quiser que nós paremos de o atacar, só tem de deixar de nos atacar a nós. Como eu sei que ele vai ler isto, até lhe deixo aqui uma proposta com a qual eu julgo que o Afonso irá concordar: ele que apague toda a merda que tem andado a escrever sobre nós e em troca, nós retiramos da net tudo o que escrevemos sobre ele. É simples. Troca por troca. Duvido que ele aceite isto, pois o tipo é demasiado orgulhoso, mas eu estaria disposto a uma trégua definitiva com ele, se o tipo retirasse da net as mentiras que tem andado a publicar sobre nós.

      Eliminar
    5. «A propósito, Mestre Nobre, enviei-lhe um novo email há alguns minutos atrás.»

      Acabei de responder!

      Eliminar
    6. Bem, eu concordo genericamente, mas não vou apagar nada, porque não confio que o Lá Lá Cardo mantenha a sua promessa. O que posso fazer é "reverter para rascunho" as postas que fiz sobre ele, se ele fizer o mesmo em relação a TODAS as que fez a meu respeito.

      Mas concordo com o Mestre Nobre, o Lulu é demasiado orgulhoso para optar por essa via. Além de que, se for mesmo um agente pago, teria de devolver o dinheirinho aos donos! :P

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...